Desenvolvimento e estimulação para o bebê 0 – 6 meses

Como acompanhar o desenvolvimento infantil e como estimular a criança adequadamente são perguntas que todos os pais e mães nos fazemos. Ouvimos falar dos picos de crescimento e saltos de desenvolvimento, mas muitas vezes ficamos perdidos sobre o que fazer com a criança para lhe ajudar praticar suas habilidades.

Já falei como sou fan da caderneta da criança varias vezes, é o melhor livro de puericultura, o mais completo, e o melhor é de graça. Pois bem, hoje quero trazer para vocês, na integra, essa informação sobre o desenvolvimento infantil nos primeiros seis meses de vida, onde também se sugerem atividades para estimular em cada fase.

Minha Maria com menos de 1 mês

Do nascimento aos 2 meses

Desde o nascimento, a criança é capaz de ouvir, reconhecer e se acalmar com a voz de pessoas da família, especialmente a da mãe, do pai ou de outro cuidador frequente. Nesta idade, o bebê já escuta e enxerga a uma distância de 20 cm, exatamente a distância entre o bebê e o rosto da mãe quando amamentando. Aproxime seu rosto do rosto de seu filho e converse com ele de forma carinhosa. Pode parecer infantil, mas ele vai se interessar. A ligação entre a mãe e o bebê é muito importante neste início de vida. O contato carinhoso estimula o cérebro da criança e fortalece esse vínculo.

Como estimular o bebê dos 0 a 2 meses?

■ Mostre objetos coloridos a uma distância de mais ou menos 30 cm dos olhos da seu
filho, movendo-os para cima, para baixo e para os lados.
■ Cante para ele. Os bebês gostam do som e do ritmo das canções de ninar e de cantigas de roda.
A música estimula a linguagem e transmite uma sensação de tranquilidade e alegria.
■ Leia e conte histórias para ele.
■ Para fortalecer os músculos do pescoço do seu filho, deite-o de barriga para baixo e chame sua atenção com brinquedos, diga seu nome, estimulando-o a levantar a cabeça.

Meu Antonio com 4 meses

Entre 2 e 4 meses

Aos poucos, seu filho começa a balbuciar, a brincar com o som de sua própria voz, e gosta quando você corresponde ou a imita. Continue conversando com ele. No início parece muito difícil, mas procure ir criando uma rotina das mamadas, do banho, de brincar no tempo que ele está acordado. Isso facilita a regulação das funções fisiológicas do bebê.

Como estimular o bebê dos 2 a 4 meses?

■ Brinque com ele, ofereça objetos ou brinquedos para ele pegar ou tocar com a mão. Nessa idade ele só pega o objeto se for colocado na sua mão, isto é, ainda não consegue buscar o objeto, apenas o toca, ou bate nele, mas fica atento à brincadeira. Esse jogo, além de favorecer seus movimentos, também irá diverti-lo.
■ Quando acordado, deixe seu filho em lugar firme, seguro, no qual ele possa ficar com os braços livres. Vire-o de bruços por breves períodos no seu próprio colo ou na cama, para que ele possa olhar o mundo de outro ângulo.
■ Na hora de colocá-lo para dormir, as canções suaves ajudam muito a acalmá-lo.

Antonio aos 5 m

Entre 4 e 6 meses

Após o 4º mês de vida, os bebês podem segurar objetos com as duas mãos, observá-los e levá-los à boca.

Como estimular o bebê dos 4 a 6 meses?

■ Ofereça brinquedos e objetos coloridos, macios e limpos, como pequenas tigelas de plástico, chocalhos e mordedores, para que seu filho possa buscá-los, segurá-los e levá-los à boca sem risco de se engasgar ou se machucar. Os bebês também gostam de brincar com as próprias mãos e pés. Observe-o e deixe-o livre para que possa conhecer o próprio corpo.
■ Converse ou faça barulhos de um lugar onde seu filho não esteja vendo você para que ele tente localizar de onde vem o som.
■ Ao final desse período, ele já é capaz de chamar sua atenção: ele já sabe encontrar formas de lhe pedir algo. Ofereça comida, brinquedos etc. e espere um pouco para ver sua reação. Assim, ele também aprenderá a expressar vontade e aceitação, prazer e desconforto.
■ Por volta dos 5 meses, estimule-o a rolar de barriga para cima e depois para baixo. Coloque-o sobre um tapete ou outro forro que fique firme no chão para facilitar seus movimentos.

Fragmento tomado de
Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção Primária à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Coordenação de Saúde da Criança e Aleitamento Materno. Caderneta da Criança: Passaporte para Cidadania – Menina/ Menino 2ª Edição. 2020. Pag 42-43.

Se você não tem a caderneta ainda ou tem a caderneta antiga, vale a pena baixar a nova para ler as atualizações. Pode baixar diretamente do Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente no site da Fiocruz a caderneta para menino aqui e a caderneta para menina aqui

Veja mais dicas de atividades para bebês até 6 meses no site Tempo junto

Precisando ajuda?

A consultoria Mães com Ciência pode ajudar no sono, amamentação, preparação para voltar ao trabalho, organização da rotina familiar e educação positiva. Saiba como funciona aqui ou  Agende uma consulta virtual aqui.

*Texto adaptado por  Zioneth Garcia.

Veja também
O quê fazer com picos de crescimento ou saltos de desenvolvimento?

7 Dicas para cuidar da higiene do sono dos nossos pequenos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s